Bolinhas de tucumã

Brinquedos nas mãos de crianças são como ouro que se transformam em valiosos momentos de descobertas, prazer e aprendizados.

E, quando colocamos nas mãos dos infantes simples objetos (como uma folha seca ou três pedrinhas de tamanhos diferentes) e, junto com elas damos asas ao imaginário e, transfiguramos tais objetos em brinquedos e até numa nova brincadeira? Pra mim, valem mais que ouro!

Acho surpreendente aproximarmos nossos filhos dessa existência imaginada num ambiente natural e incentivá-los a criarem as brincadeiras com os elementos que encontramos na natureza. É uma forma de permitir e possibilitar à criança, o desenvolvimento do imaginário lúdico e a criatividade nata da infância. Elas precisam desse contato, dessa liberdade de criação. Será que os brinquedos comprados em lojas especializadas são suficientes para tornar nossos filhos felizes?

Como pesquisadora do universo infantil, sempre valorizei as brincadeiras tradicionais de nosso país e admiro os brinquedos construídos pela inventividade da criança, feito com as próprias mãos dela. Assim brinquei com algumas crianças e, hoje como mãe, tenho prazer em oportunizar esse contato para que meu filho também possa brincar com outros tipos de brinquedos.

Aqui no norte do país existe o tucumã, um fruto de uma palmeira amazônica. Deliciooooso demais! Comemos a polpa da fruta crua ou fatiada como recheio em tapioca ou sanduíche e o caroço dela se constitui numa bolinha amadeirada bem resistente. A maioria dos adultos o jogam fora ou replantam, outros usam como matéria prima para artesanato; já as crianças fazem desse caroço, um brinquedo. Algumas delas o transformam em pião, outras a utilizam como bolinha num jogo.

Depois de nos deliciarmos com uns tucumãs, guardei cerca de seis caroços e os apresentei para Artur. Ele curiosamente ficou olhando aquele monte de bolinhas, as pegou e instantaneamente jogou no chão e gostou de ouvir o som que se deu. Pense… ele não parava de jogar e catar as bolinhas, era caroço de tucumã para tudo que é lado no apartamento.

Meu “curumim” se diverte jogando as bolinhas para todos os lados… agora é um pimpimpim… das bolinhas quicando todos os dias. Bom demais!

Artur e seu novo brinquedo: bolinhas de Tucumã.

BolinhasdeTucumã (2)

BolinhasdeTucumã (1)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s