Shantala para bebês: relato de minha experiência

Semana passada publiquei no blog um post com dicas e passo a passo da massagem shantala. E hoje compartilho com vocês a minha vivência com a prática da massagem para bebês.

Artur tinha 01 mês e 14 dias quando apliquei a shantala (massagem indiana sensorial) pela primeira vez. Foi uma experiência sensivelmente inesquecível! Eu e ele fomos beneficiados com a massagem – pra ele, acalmou a inquietação e regulou o sono; e para mim, vínculo de amor mais fortalecido!

Vejam como foi minha experiência através do relato de mais um boletim do “Diário da Mãe de um Príncipe”.

***

16 de abril de 2013 (Terça) – Parnamirim/RN.

O ritmo de Artur está mudando, o que é normal entre os bebês.

Desde a semana passada observo que ele já não dorme com tanta frequência como antes, principalmente no período da tarde. Posso levantar as mãos para o céu e agradecer a adaptação positiva e disciplinada dele na rotina entre mamadas e dormidas. Ele dorme muito bem à noite e acorda exatamente a cada três horas para se alimentar. E, pela manhã, a rotina diária dele consiste no acordar (das 06hs às 07h30); mamar; depois, banho de sol com passeio no jardim, a higienização do nariz, o banho na banheira e dormir na rede. O período da tarde seguia o curso da mamada e da soneca, mas agora os comportamentos dele nas tardes estão diversificados. Há dias em que o sono aparece, outros não, descobri que ele quer brincar e/ou conversar. Outros dias ele ficou abusadinho e chorou muito, com aparência de sono, porém não relaxava e nem dormia. Estou atenta para descobrir tal motivo da inquietação. Até pensei que pudessem ser as famosas “cólicas”, mas, percebi que não, gracias.

Ontem ele chorou muito irritado até à noite, e demorou para relaxar e dormir. Observando a minha peleja, Iza me lembrou da massagem Shantala como uma solução para acalmar o bebê. YES!! Uma ótima alternativa de bem estar para mamãe e bebê. Pesquisei na internet os benefícios da massagem indiana, comprei o óleo corporal para bebês, da Johnson´s e, me preparei assistindo vídeos no youtube de como fazer a massagem.

O fim da tarde de hoje não se fez diferente da anterior. A inquietação apareceu novamente seguida de muito choro. Eu ali um pouco “aflita”, separei o óleo para a massagem, preparei o ambiente com música instrumental e, logo o amamentei.

Antes do banho noturno de Artur, fiz a massagem Shantala e fiquei verdadeiramente maravilhada com essa prática.

É sensacional!!

shantala_01

Vivi uma das belas emoções da maternidade. Ver meu filho me olhando com tanta ternura e amor, um olhar tão especial que revelava o prazer de ser tocado, tão suavemente, por mãos de “fada”. Cada toque e movimento, naquela tão delicada pele, refletia em benefícios físicos e energéticos para o corpo dele, e tão representativo olhar me comovia espiritualmente, fazia meu coração sorrir. E ali, diante de mim, em plena integração mãe-filho, ele relaxava… sorria… serenava. Foram 30 minutos de uma sensibilidade mágica jamais esquecida! Fortemente eu transmitia meu sentimento de amor de mãe para que ele pudesse se tranquilizar, se sentir seguro, sentir Paz.

shantala_02

Após 10 minutos de finalização da massagem, dei o banho de Artur para que ele relaxasse mais ainda e pudesse ter um bom sono. E assim foi, como se a noite estivesse ofertado as mais brilhantes estrelas para acalentar meu pequeno e iluminar o sono dele com muita paz. Dormiu rapidamente como um príncipe!

Anúncios

2 Respostas para “Shantala para bebês: relato de minha experiência

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s